FIBROMIALGIA

Dra. SilvanaA Fibromialgia é uma Síndrome que se caracteriza por dores generalizadas, rigidez do tronco ou quadril, fraqueza muscular importante chegando até a exaustão.

As dores e a rigidez geralmente são matutinas e melhoram durante o dia.

Sono tranqüilo, acordar várias vezes durante a noite, ter dificuldade em voltar a dormi, acordar cansado.

Estes sintomas pioram com o Stress, a ansiedade e o frio, clima úmido e o esforço excessivo.

O diagnóstico da Medicina Ocidental é feito através da clínica e da localização dos pontos de hipersensibilidade a dor através da digito-pressão.

Os exames laboratoriais normalmente são todos normais e o tratamento se faz através do uso de antidepressivos e analgésicos, porém é uma Síndrome Crônica pois os sintomas normalmente reaparecem por várias vezes mesmo depois do tratamento, uma vez que se está se tratando apenas os sintomas e não a causa da doença.

Para a Medicina Tradicional Chinesa, a fibromialgia é caracterizada em dois tipos: Fibromialgia tipo I e Fibromialgia tipo II.

A Fibromialgia tipo I é caracterizada por dores generalizadas ou localizadas que não melhoram com usp de analgésicos, fadiga intensa, sono não reparador e ansiedade importante.

A Fibromialgia II é caracterizada também por dores no corpo, fadiga, sonolência, porém ao invés de ansiedade surge a depressão.

Esta síndrome na MTC é devido a deficiência no Qi ou Energia Renal, a qual veicula a água e calor orgânicos, necessários aos processos fisiológicos, e hidroelétricos do organismo, levando a Síndrome da Fibromialgia.

O diagnóstico na MTC se faz através da avaliação do Pulso e Língua do paciente com sinais que são característicos. Porém o tratamento se faz através da Acupuntura, e da Fitoterapia.

Quando se insere na pele as agulhas de Acupuntura em determinados pontos nos chamados Meridianos de Energia, um estímulo é enviado ao Sistema Nervoso e como resposta, vários hormônios, endorfinas, polipeptídeos são liberados em determinados áreas do organismo, levando a uma melhora importante das dores mas principalmente do quadro de ansiedade e ou depressão tão difíceis de serem tratados.

A Fitoterapia são ervas que se emprega no tratamento e cada erva tem características semelhantes aos pontos de Acupuntura interagindo com a Acupuntura levando a melhora importante dos sintomas.

Porém mais importante na MTC é que não existe doença, mas sim processo de adoecimento, o qual o momento de transformação de cada paciente é a necessidade de tomada de consciência. Se existem sintomas é porque o organismo está sinalizando que algo não está bem e que existe necessidade de reavaliar sua vida profissional, familiar, suas emoções.

 
Dra. Silvana C. R. Baptista
Médica Geriatra e  Acupunturista
CRM: 59.542
Taoclínica -  Jundiaí- SP

  • VENTOSA
  • DIETOTERAPIA
  • FITOTERAPIA
  • ACUPUNTURA
  • MOXABUSTÃO
  • PRÁTICAS CORPORAIS

Localização

  • Rua Piratininga, nº 218 - Vila Bandeirantes.
    Jundiaí (SP).

Contato